quinta-feira, 4 de agosto de 2011

estás diferente, falas comigo de forma diferente. já não ligas com tanta frequência a dar notícias tuas, ou então apenas para ouvires a minha voz. tal como fazias, quando as saudades começavam a dar conta de nós próprios. mas apesar de tudo, mesmo com essa distância que tens mantido, sempre que te vejo o meu coração dispara. continuas a provocar a mesma sensação que antes provocavas em mim. o amor que eu tenho por ti não muda, apesar de todos os acontecimentos. e tu .. o teu sorriso .. continua tudo tão belo. e é nesse momento, quando sorris para mim, que eu esqueço tudo o resto. quando me voltas a envolver nos teus braços, tudo o resto desaparece. e fazes com que tudo se torne perfeito.

1 comentário: